Surgimento…

HISTÓRIA DA DANÇA

Por Aline Pyrrho

 Há ainda muitos questionamentos em relação ao surgimento da dança. Entretanto, o que não se pode negar é que ela nasceu e cresceu com o desenvolvimento humano. Estudar a história da dança é também estudar a história do homem. A primeira forma de comunicação do homem foi através da dança com uma linguagem gestual. O que muitos estudiosos dizem, é que através das traduções arquiológicas as indicações do surgimento da dança está veiculado à religiosidade. Eram nos rituais religiosos que a dança se apresentava como integrante dos momentos de fé.

  “A arqueologia, maravilhosa ciência que tanto esclareceu e continua a esclarecer sobre o nosso passado próximo ou longínquo,ao traduzir a escrita de povos hoje desaparecidos, não deixa de indicar a existência da dança como parte integrante de cerimônias religiosas, parecendo correto afirma-se que a dança nasceu da religião, se é que não nasceu junto com ela”. (FARO, 1986, p. 13).

 Simples e intensa, a dança era envolvida por batuques que davam o ritmo, pela palavra que formava o canto e pelos movimentos corporais que criavam coreografias. Considerada uma das mais antigas formas de arte, a dança surge pela necessidade do homem de expressar e externar suas emoções e crenças. Ela é a mediadora da interação entre o corpo e a alma. É por isso, que a dança é desenvolvida ao longo do tempo, de diversas formas, ritmos e estilos. Cada cultura tem a sua particularidade no jeito de dançar, mas todas elas enraizadas pelo culto aos deuses.

   “Existem indícios de que o homem dança desde os tempos mais remotos. Todos os povos, em todas as épocas e lugares dançaram. Dançaram para expressar revolta ou amor, reverenciar ou afastar deuses, mostrar força ou arrependimento, rezar, conquistar, distrair, enfim, viver!” (TAVARES, 2005, p.93).

Foi no Renascimento, séc. XV/ XVI que a dança sofreu intensas modificações, deixando de ser simplesmente religiosa e ganhando importância social, no qual, estava presente em festas da nobreza levando a diversão, o entretenimento. As camadas populares, que já obtinham sua dança, passaram a ter acesso à dança nobre, em que, houve uma junção das duas e o surgimento do que hoje chamamos de dança de salão, que é a dança de casais. O ballet também nasceu da corte e dos divertimentos da aristocracia.

A dança evolui enormemente, tendo hoje, uma diversidade de estilos que atinge a todos os gostos. São eles: Ballet clássico, Jazz, Contemporâneo, Sapateado, Hip-hop, Break dance, Capoeira, Dança do ventre, Dança indiana, Dança flamenca e a Dança de salão que engloba: bolero, samba, foxtrote, cha cha cha, forró, salsa, zouk, merengue, valsa, tango, rumba, paso-doble e rock.

Uma nova forma de dança que está sendo adotada pelas mulheres, hoje, é o Pole dance. Ela consiste numa desenvoltura sensual no mastro. Os movimentos exigem força, porém, têm que ser feitos com leveza e muita sensualidade.

 

  1. Nenhum comentário ainda.
  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: